em , ,

Artigo – Do BBB à WWE: Como o entretenimento encanta

Se você não estava dentro de uma caverna no último mês e acabou se deparando com esse texto logo de cara você sabe: Na internet não se fala de outra coisa que não seja o Big Brother Brasil 21. Até mesmo quem não acompanhou um minuto sequer do programa (E você tem todo o direito de fazer isso) sabe pelo menos de alguma das tramas que estão de desenvolvendo, ou pelo menos um dos participantes que estão envolvidos com polêmicas dentro do BBB.

Uma audiência avassaladora para um programa de entretenimento. Mas porque eu estou falando isso num site sobre pro-wrestling? Justamente por causa disso, entretenimento. Um dos motivos do pro-wrestling ser um esporte especial e que se difere da maioria dos outros é a mistura dos elementos técnicos e do atleticismo dos lutadores com um entretenimento que faz o público levantar da cadeira com sentimentos de alegria ou raiva pelo que se está vendo. O BBB está seguindo essa mesma linha de pensamento.

Pra facilitar a compreensão do que eu quero dizer nesse artigo, vamos fazer um paralelo entre um dos principais “plots” dessa edição do BBB, onde a Karol Conká se posiciona como uma grande vilã do programa alinhado a Projota e Nego Di como os manipuladores da ala do “gabinete do ódio” como a internet resolveu chamar; em paralelo com aquela que foi uma das melhores storylines dos últimos anos da WWE: A Road to Wrestlemania 30 de Daniel Bryan.

Foto: WWE.com

Lembrando dos elementos daquela storyline, nós tínhamos um vilão que se destaca por ser alguém completamente odiado do público e acaba ascendendo a uma posição de prestígio com um auxílio do sistema: O paralelo entre Randy Orton é Karol Conká. Enquanto a curitibana assume a posição de líderança do confinamento com a suspeita de um auxílio da produção na prova do Líder, Orton se tornava Undisputed Champion e retivera seu cinturão com a ajuda de Triple H.

Triple H que se posicionava como uma barreira para a ascensão de Daniel Bryan no decorrer da storyline, assim como Projota tem feito nos seus dias no BBB em Curicica. Se colocando como uma Autoridade diante dos participantes, ele é quem arma as estratégias para impedir o sucesso de seus inimigos dentro da casa, manipulando os votos e apontando os inimigos. Nada muito diferente do que Hunter fez naquela Road to Wrestlemania.

Foto: Reprodução Twitter BBB

No meio disso ainda havia Batista, um vencedor da Royal Rumble Match que estava completamente deslocado na posição que ocupava. Outrora um nome empolgante dentro da empresa, Batista logo caiu em desgraça com o público quando conquistou a chance de lutar por um título que ele já não merecia. A situação foi piorando a cada semana quando às segundas à noite Batista se revelava um personagem chato e desagregante à storyline do título. Uma chatice tão eloquente quanto a de Lumena, que entraria na casa com uma empolgação pela posição social que ocupava, mas que logo se revelou uma insuportável capaz de fazer o público mudar o canal da TV, tal qual Batista.

A construção de um rival que mobiliza o seu público como um todo a estar engajado pela vitória do escolhido é tão importante quanto aquele que deve despontar como campeão. O BBB hoje conta com a sorte (Ou com a ajuda do Boninho) pra estabelecer a permanência desses 3 por pelo menos mais uma semana dentro da casa. Agora, se nós temos rivais fortes no BBB, quem seria o Daniel Bryan da história?

Foto: Reprodução Twitter BBB

Depende. Na situação atual é bem possível transformar Sarah, Juliette e Gilberto como esse Daniel Bryan. Gilberto e Juliette se destacaram por serem perseguidos dos nossos vilões e acabarem numa posição de underdogs (Tal qual o “B+” Bryan), porém extremamente carismáticos e com uma catchphrase marcante (Não dá para não comparar o Yes! Com o Tchaki Tchá nessa situação) e juntos com a visão de jogo e articulação de Sarah se posicionam como um vencedor em potencial entre esses três, que dependem exclusivamente do público para se catapultarem diretamente

Que esse programa seja capaz de se desenvolver tão bem quanto a participação de Bryan na Wrestlemania e que o Boninho honre sua comparação com Vince McMahon na thread do nosso twitter.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *