em ,

CM Punk pode deixar a AEW ainda hoje; Kenny Omega e os Young Bucks suspensos

Ace Steel e CM Punk: ambos devem deixar a AEW ainda hoje

Após um domingo caótico na All Elite Wrestling (AEW), com o campeão da empresa CM Punk desabafando e atacando jornalistas e colegas durante a coletiva de imprensa pós-All Out e, posteriormente, se envolvendo em uma briga física com os membros da The Elite (Kenny Omega, Matt e Nick Jackson) nos bastidores, Tony Khan tomou algumas decisões em relação a situação dos lutadores.

Segundo o jornalista Justin Barrasso, da Sports Illustrated, todos os envolvidos na briga receberam punições. Os atuais campeões de trios e vice-presidentes executivos Omega e os irmãos Jackson, bem como seus companheiros da Elite, Brandon Cutler e Michael Nakazawa, foram suspensos da empresa, sem uma duração específica da punição. Além deles, os agentes Pat Buck e Christopher Daniels (que dirige o setor de relacionamento com lutadores da AEW), também foram suspensos.

A situação de CM Punk e do agente Ace Steel – seu treinador e amigo pessoal – ainda é um pouco nebulosa. Segundo Barrasso, a expectativa é que os dois também tenham sido suspensos. Se não for o caso, espera-se que ambos deixem a AEW até o final desta quarta, 7 de setembro. Na terça, aconteceu uma reunião entre Tony Khan e CM Punk para definir seu futuro.

Entenda o caso

Na coletiva de imprensa após o All Out, no domingo, CM Punk criticou publicamente seus desafetos na AEW ao reconhecer um jornalista como “amigo” de Colt Cabana, hoje na Ring of Honor (ROH), com quem Punk teve uma batalha judicial há alguns anos. Durante o desabafo público, Punk acusou Omega e os Jacksons de conspirarem com membros da imprensa – como Bryan Alvarez, do grupo Wrestling Observer Newsletter – para plantar rumores de que Punk estava envolvido na quase demissão de Cabana da AEW meses antes, o que tanto o próprio Punk como Tony Khan negaram publicamente. Também criticou “Hangman” Adam Page por ter saído do roteiro em uma promo e referenciado a situação no Dynamite.

Nos bastidores após a coletiva, os membros da Elite confrontaram CM Punk e Ace Steel, o que ocasionou uma briga generalizada, com cadeiras sendo atiradas, socos trocados e até mesmo pessoas mordidas.

É possível que tenhamos anúncios públicos sobre o caso no Dynamite de hoje.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…