em ,

Cobertura: WWE Hall of Fame 2020

O show começa com Jerry Lawler no palco. Ele dá as boas-vindas a todos e diz que é uma honra celebrar aqueles que não receberam suas homenagens no ano passado. Lawler diz que o objetivo hoje à noite é dobrar tudo pela primeira vez e talvez derramar algumas lágrimas. É mostrando um vídeo do ex-campeão da WWE JBL.

A multidão virtual (pré-gravada) aplaude quando Lawler apresenta JBL como nosso primeiro introduzido no WWE Hall of Fame 2020. JBL aperta a mão de The King e brinca sobre a frase anterior de Lawler sobre derramar lágrimas esta noite, dizendo que um Wrestling God não chora. JBL fala sobre seus 30 anos no negócio e diz que tem sido uma temporada incrível. JBL fala sobre aprender com alguns dos grandes nomes do Texas e do Japão. JBL diz que ele nunca teria existido se não fosse pelo WWE Hall of Famer Eddie Guerrero. Ele gostaria que Eddie estivesse aqui para lhe agradecer.

Ele fala sobre a parceria com o WWE Hall of Famer Ron Simmons como a The APA, e sua forte amizade. Ele diz que eles se divertiram muito juntos. JBL se lembra de como um garoto chamado John Cena apareceu e encerrou sua corrida. Ele passa a elogiar Cena. JBL diz que a WWE deu a ele a oportunidade de fazer muitas coisas, como visitar tropas no Iraque e trabalhar com instituições de caridade em todo o mundo. Ele diz que adoraria experimentar mais uma vez uma entrada de Eddie ou The Undertaker nos ringues. JBL diz para qualquer um que sinta que ele os prejudicou ou disse algo a eles nos bastidores e os fez se sentirem mal – do fundo de seu coração, ele gostaria de dizer… chore como um rio, floco de neve, ele é JBL e não se desculpa com ninguém, e ele vai para o WWE Hall of Fame porque ele é quem diz ser, A Wrestling God!

Kevin Patrick está no tapete vermelho. Ele está com Peyton Royce e Rhea Ripley. Eles falam sobre a importância desta noite. Rhea se lembra de conhecer as Bella Twins mais cedo e como eles a aceitaram. Ela também se lembra de ter conhecido The Bellas e Dolph Ziggler anos atrás em uma sessão de autógrafos na Austrália. Sarah Schreiber está com Randy Orton agora. Ele é questionado sobre o que o WWE Hall of Fame significa para ele. Ele diz que significa muito porque seu pai está no Hall e ele o introduziu. Orton diz que o Hall fica cada vez maior a cada ano. Ele tem um pouco de relacionamento com cada membro que vai ser homenageado na noite e está feliz por estar aqui para se divertir com eles. Kevin está com os campeões de Tag Team RAW Kofi Kingston e Xavier Woods. Eles comentam sobre a nWo e The Bella Twins. Kofi elogia as Bellas por estarem por trás do principal catalisador da Revolução Feminina. Woods espera uma possível introdução para a The New Day e lembra a todos que Vince McMahon disse no ringue uma vez que eles serão empossados ​​algum dia.

É mostrado um vídeo de “The British Bulldog” Davey Boy Smith, que faleceu em 2002. Lawler apresenta o filho de Bulldog, Harry Smith, sua filha Georgia Smith e seu esposa Diana Hart-Smith. Eles aparecem para introduzir postumamente Davey Boy ao WWE Hall of Fame 2020. Harry está carregando Buffy, o bulldog, brincando que ela é a neta da lendária Matilda.

Harry diz que é realmente uma honra finalmente apresentar seu pai. Harry agradece à WWE pela introdução e oportunidade, e agradece aos fãs pelos anos de apoio, dizendo que sem os fãs nada disso seria impossível. Harry elogia seu pai por ser um atleta incrível, dizendo que ele era versátil e poderia fazer de tudo. Ele era uma potência, mas também atlético e poderia realizar qualquer movimento. Ele tinha um físico grande, mas seu coração e personalidade maravilhosa eram ainda maiores. Ele também fala sobre a luta SummerSlam 1992 entre Bulldog e o WWE Hall of Famer Bret Hart, e como ninguém vai se esquecer disso. Ele diz que foi um momento tão especial para Davey e a família, e é a lembrança favorita de Harry de seu pai. Ele também se lembra do combate de Davey contra o tio Owen Hart, onde ele se tornou campeão europeu.

Ele fala sobre como a The Hart Foundation revolucionou a luta de duplas como a conhecemos hoje. Ele também menciona como os combates no Japão influenciaram seu estilo. Ele tem orgulho de continuar o legado de Davey e sabe que cada vez que pisa no ringue, seu pai está com ele em espírito, junto com o WWE Hall of Famer The Dynamite Kid. Ele sabe que Davey também está conosco esta noite. Ele conta como seu pai foi um ótimo pai, amigo e performer, e diz que nunca será esquecido por seus amigos, família e pelo Universo WWE. Harry agradece aos fãs do fundo do seu coração, e o mesmo para a WWE e os Superstars que dividiram o ringue com Davey. Harry, sua mãe e sua irmã abraçam Buffy para encerrar o segmento.

Kevin está no tapete vermelho com Nikki Cross. Eles falam sobre a introdução de Bulldog e o discurso de Harry, que trouxe lágrimas a Cross. Schreiber está com Braun Strowman. Ele diz que o Hall of Fame tem tudo a ver com legado. Ele diz que é uma honra trabalhar para a empresa, mas ser cimentado no WWE Hall of Fame é o que todo atleta deseja. Kevin está com Drew McIntyre agora. Ele se lembra de assistir Bulldog quando criança e de se inspirar toda vez que via a bandeira do Reino Unido.

Vemos um vídeo de Jushin Thunder Liger. No vídeo, Shinsuke Nakamura chama Liger de seu maior ídolo. Lawler dá as boas-vindas a Liger, que está se juntando a cerimônia virtualmente do Japão. Liger fala em japonês, mas temos legendas. Ele diz que está representando a New Japan Pro Wrestling. Ele agradece à WWE pela honra e diz que está animado, ele está todo arrepiado. Liger afirma ser uma grande honra ser empossado e receber o anel. Ele está muito feliz por ter se tornado um lutador profissional. Liger, agora em inglês, agradece à WWE e aos seus fãs.

Lawler fala sobre como ele tem uma conexão especial com o próximo nomeado, seu “Capitão” favorito e que o introduziu no WWE Hall of Fame. É mostrado um vídeo de William Shatner, homenageado com o Celebrity Wing. Lawler dá as boas-vindas a Shatner, que também está se juntando a cerimônia virtualmente, e oficialmente dá as boas-vindas ao WWE Hall of Fame Class do 2020 Celebrity Wing. Shatner fala sobre ter nascido em Montreal e quantos lutadores de topo saíram da cidade. Ele relembra seu segmento RAW com Lawler anos atrás e diz que é um grande fã da WWE há muitos anos. Shatner recebe a introdução com o deleite de alguém que seguiu alguns de seus maiores heróis. Shatner agradece ao encerrar o discurso enquanto a multidão virtual aplaude.

Kevin está no tapete vermelho com The Miz e John Morrison. Miz diz que o WWE Hall of Fame é uma de suas épocas mais favoritas do ano porque eles homenageiam aqueles que abriram o caminho. Morrison comenta sobre a idade de Lawler e Shatner. Schreiber está com Mustafa Ali. Ele está animado para ver a nWo ser introduzida. Ele se lembra de ter crescido como um fã de longa data e de ver camisetas da nWo e do Austin 3:16 em todos os lugares. Kevin está com o MVP e campeão da WWE Bobby Lashley. Eles falam sobre a influência que JBL teve em suas carreiras. Lashley diz que JBL absolutamente merece ser introduzido, sem dúvida.

Voltamos a Lawler, e é mostrado um vídeo do 2020 Legacy Wing. O WWE Hall of Fame Class of 2020 Legacy Wing são: Ray “The Crippler” Stevens, Brickhouse Brown, “Dr. Death” Steve Williams, Baron Michele Leone, e Gary Hart.

É mostrado um vídeo sobre as Bella Twins – Nikki Bella e Brie Bella. Lawler apresenta as Bella Twins, oficialmente dando-lhes as boas-vindas ao WWE Hall of Fame 2020. Elas falam ao mesmo tempo e concordam em deixar Brie falar primeiro. Elas falam sobre compartilhar tudo e agora esse prêmio. Nikki lembra como sua jornada começou com o Divas Search em 2006. Elas terminaram no desenvolvimento e foi aí que encontraram seu destino, sua vocação, sua casa. Elas também falam sobre como a divisão feminina mudou ao longo dos anos e como a representação tem sido importante. Brie brinca sobre Nikki sempre batendo nela e Nikki nos lembra que ela foi a campeã das Divas que reinou por mais tempo. Elas falam sobre abrir as portas para outras mulheres na WWE e mencionam a Evolution e o Women’s Royal Rumble. Elas estão orgulhosas de ver como as outras mulheres deram continuidade aos esforços. Elas agradecem a várias estrelas femininas, Steve Keirn, Fit Finlay, John Laurinaitis, o falecido Hall of Famer Dusty Rhodes e Pat Patterson, e vários outros pelo nome. Nikki também agradece ao ex-namorado John Cena por ajudá-la a aprender o negócio. Elas também agradecem a todos que trabalham para a WWE por serem uma família de estrada, e seus fãs, The Bella Army. Brie agradece a Daniel Bryan por sacrificar sua vida privada para que eles possam mostrar a luta livre feminina e por ser um ótimo marido e pai. Nikki também agradece a Artem (marido) e seu filho. Elas dizem mais algumas palavras e terminam o discurso.

Kevin está com as campeã de duplas femininas da WWE, Nia Jax e Shayna Baszler, e Reginald, no tapete vermelho. Jax fala sobre como as Bellas foram uma grande influência em sua carreira, chamando-as de incríveis. Ela as vê como magnatas agora. Baszler diz que muitas pessoas não sabem, mas sua estreia real na empresa foi no Total Divas, quando ela estava ajudando Nikki a treinar e aprender as submissões. Ela diz ter orgulho por elas serem membros do WWE Hall of Fame agora. Schreiber está com Mandy Rose e Dana Brooke. Elas também elogiam as Bellas. Kevin está com Lana e Naomi agora. Lana diz que as Bellas têm sido tão inspiradoras para ela e é incrível estar aqui apoiando-as. Naomi fala sobre estar nos shows e no vestiário com as Bellas, e elas as conhecem de uma maneira diferente e as amam muito. Ela continua elogiando as Bellas e diz que é emocionante. Schreiber está com Sheamus agora, perguntando sobre Titus O’Neil recebendo o Warrior Award. Sheamus diz que ninguém pode contestar este prêmio. Ele fala sobre Titus retribuindo à comunidade em Tampa.

Lawler fala sobre a importância do The Warrior Award e por que foi nomeado após o WWE Hall of Famer The Ultimate Warrior. É mostrado um vídeo sobre Titus O’Neil. Lawler apresenta Titus como o ganhador do 2020 Hall of Fame Warrior Award. Eles fazem brevemente a dança Prime Time Players antes de Lawler ir embora.

Titus fala sobre sua educação difícil e como ele foi rotulado como um garoto que estaria morto ou na prisão aos 16 anos. Ele acabou no Florida Sheriff’s Boys Ranch, onde ouviu a palavra que o ajudou a mudar: eu te amo. Titus continua sobre como a mudança o levou de um aluno com baixo rendimento a um jogador de futebol americano, o primeiro graduado do ensino médio e pós-graduado da família. Ele fala sobre começar a The Bullard Family Foundation e ter seu próprio legado, que começa com seus dois filhos. Ele continua ajudando crianças e suas famílias por meio da fundação. Ele diz que não há dúvida de que a WWE o ajudou a colocar sorrisos nos rostos e ele é eternamente grato por isso. Titus diz que sempre quis dar o exemplo de um grande ser humano. Titus diz mais algumas palavras e agradece a todos, de seus filhos a seus colegas de trabalho. Ele termina o discurso dizendo que ama a todos e acredita neles.

Agora é mostrando um vídeo da nWo – Hulk Hogan, Scott Hall, Kevin Nash e Sean Waltman. Lawler agora apresenta Waltman, Hall, Nash e Hogan para oficialmente serem introduzidos ao WWE Hall of Fame 2020. Vemos Hogan aparecendo com o cinturão preto do título nWo World Heavyweight.

Sean Waltman agradece a todos e diz que está duplamente honrado por estar aqui pela segunda vez. Ele agradece sua esposa Angela e o resto de sua família. Ele também agradece e parabeniza Eric Bischoff por sua introdução ao WWE Hall of Fame 2021. Waltman diz que fazer parte da nWo foi incrivelmente importante para ele e importante para sua carreira na DX. Waltman agradece a Hall e Nash por apoiarem ao longo dos anos. Ele agradece a Hogan por sempre ser tão bom com ele. Hall sobe ao pódio. Scott Hall diz que achava há alguns anos havia alcançado o ponto alto de sua carreira quando nomeou Razor Ramon ao Hall of Fame, mas estar aqui agora com seus amigos e o cara que o fez querer ser um lutador profissional, Hogan, palavras não podem expressar isso.

Kevin Nash é o próximo. Ele diz que o que Scott Hall acabou de dizer realmente ressoa. Muitas coisas fizeram com que isso realmente funcionasse e muitas coisas que poderiam ter feito isso não funcionar. Ele se lembra de Diesel e Razor deixando a WWE e aparecendo na Turner TV. Ele diz que se Vinnie Vegas e Diamond Studd tivessem aparecido, o impacto não teria sido o mesmo. Ele menciona como os contratos do Razor e do Diesel tinham apenas 6 dias de intervalo. Nash não consegue acreditar que essa coisa da nWo já dura 25 anos. Ele fala sobre fazer aparições públicas e ver 80% dessas pessoas na fila com camisetas da nWo, e então ver as crianças fazendo o gesto Too Sweet enquanto vestem uma camiseta da nWo. Nash diz que essa coisa da nWo realmente é para toda a vida. Nash diz que o que fez a nWo ser o que é, foi o fato de que todos vieram da WWE, e a WWE realmente é para a vida. Nash continua e termina seu discurso.

Hulk Hogan é o próximo. Hogan fala sobre estar em um filme ambientado na Califórnia, completamente perdido, sem saber o que faria depois de filmar o clássico de todos os tempos, Santa With Muscles. Ele viu Scott Hall entrar no WCW Nitro, depois falou com Bischoff e não teve certeza sobre a nWo dar certo no começo. Então ele viu Nash pular a bordo, ele observou o sucesso e como parecia real, como se a WWE estivesse invadindo a WCW. Hogan pegou o telefone e ligou para Bischoff. Hogan disse que Bischoff estava pensando em perguntar a Sting, mas Hogan não podia deixar isso acontecer porque ele, Hogan, era WWE da cabeça aos pés. Ele continua sobre como a nWo estava selvagem e quanto mais desagradável eles ficavam, mais os fãs da WWE torciam por eles.

Hogan fala sobre como os produtos da nWo se esgotam o tempo todo em sua loja de praia na Flórida. Hogan diz que nunca foi derrotado por este cinturão em seu ombro. Ele acha que a nWo precisa fazer outra corrida. Ele fala sobre como a nWo deve ensinar uma lição a todos na WrestleMania 37 depois que ele e Titus apresentarem o show. Hogan continua e diz que isso é apenas ilusão. Ele diz que todos sabem que nWo é 4 Life, mas agora que eles estão no Hall of Fame, é realmente 4 Life e To Sweet! A música nWo toca enquanto Hogan, Hall, Nash e Waltman comemoram no palco.

Fim de cerimônia.

Fonte: Wrestling Inc.

Por Johnny Marques

Fundador do Wrestlemaníacos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…