em ,

Daniel Bryan ainda não assinou novo contrato com a WWE

No episódio do SmackDown de 30 de abril, Daniel Bryan foi derrotado por Roman Reigns numa luta pelo Universal Championship. O Tribal Chief derrotou o líder do movimento do Sim após de deixá-lo inconsciente com uma letal Guilhotina. Portanto, segundo a estipulação do combate, Bryan foi demitido da marca azul.

Mas muitos se perguntaram qual seria seu novo papel na WWE. Além de tudo, ele ainda é um lutador com muita popularidade e que ainda possui um invejável nível de atletismo. Não seria estranho que se ele chegasse ao RAW como um novo desafiante para o Bobby Lashley. Ou por que não, tal vez ele pode ser um novo membro da NXT.

Não obstante, é possível que seu futuro não seja na empresa do Vince McMahon. Já que, segundo um reportagem do site Fightful, o contrato de Bryan finalizou na sexta-feira da semana passada. Mesmo dia que teve a sua última luta no SmackDown. E até o momento, ele ainda não assinou um novo contrato.

Agora, é possível que ele acabe assinando um novo contrato com WWE logo, e volte a trabalhar com a empresa novamente em breve. Uma estrela como ele é valiosa demais para deixar que a concorrência o tenha no seu elenco. E por sinal, segundo o Wrestling Observer, a companhia já está trabalhando para que ele faça sua renovação.

O fim da carreira do Bryan?

Mas sempre existe a possibilidade de que ele não assine de novo. Durante os últimos meses, Bryan expressou abertamente que ele acha que não tem muito tempo mais na sua carreira. Talvez ele deseja se aposentar para ficar em casa com seus filhos; ou pode que tenha interesse em trabalhar em outras empresas antes do fim da sua carreira.

De qualquer jeito, é claro que esta cansado. Numa entrevista feita com BT Sports semanas depois da WrestleMania 37, Bryan admitiu que já não sente o mesmo quando está no ringue. Ele disse isto sobre sua Triple Threat Match no evento:

“Foi muito estranho. Tomou muito tempo processar a experiência, porque não foi algo normal. Eu me senti fora do meu corpo. Quando eu luto, sinto tudo e sinto que gosto disso. Isto fui muito estranho, eu me senti desconectado. Foi tão estranho que antes de começar o combate, tive uma sensação muito esquisita. Tipo, “ah não, isto é o que sentes antes de morrer? Eu vou morrer? Ih, valeu” Não sei por que ou como aconteceu isso, mas nunca senti uma coisa assim enquanto lutava.”

“Não assisti a luta de novo. Não sei se assisti-la de novo me ajudará procurar por que esteve tão desconectado. Talvez pode ser um sinal de que chegou o tempo de deixar ser um lutador de tempo completo. Essa sensação de estar desconectado, foi tipo, “wow”. Como diz, pode ser que eu morra, ou pode ser que seja uma sinal de que não tenho a mesma satisfação de antes. Eu tentei meditar e falar com meus amigos. Lhes perguntei, “que é isto?” Meu contrato acaba relativamente logo. Ainda tento decidir o que fazer com minha vida.”

Só o futuro dirá se a carreira do Bryan continuará, mas parece que a WWE tem interesse em que assim seja.

Por Bombástico Mendoza

Un peruano con suerte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…