em ,

Histórias de Bastidores #4 – Esteroides na Luta Livre: A verdade sobre as drogas

Assustadoras histórias sobre os esteroides

O uso de esteroides na luta livre mudou ao longo dos anos, priorizando o bem-estar dos lutadores e dando um foco maior ao teste antidrogas. Atualmente os lutadores são testados com mais frequência para medicamentos que alteram/melhoram seu desempenho, tais como esteroides e GH (hormônio de crescimento).

Se o lutador reprova no teste de dopping, ele recebe multa ou até mesmo suspensão. A WWE fez um trabalho respeitável em cuidar dos lutadores antigos que se envolveram com esse tipo de droga, oferecendo apoio e até arcando com os custos de programas de reabilitação, se fosse o caso. Mas nem sempre foi assim.

AS ASSUSTADORAS HISTÓRIAS SOBRE OS ESTEROIDES COMENTADAS POR THE ROCK, HULK HOGAN, ULTIMATE WARRIOR E OUTROS.

Muitos lutadores relevantes, tanto no presente como no passado, dão sua opinião sobre o uso de esteroides e como isso impactou a carreira e vida pessoal deles.

Ultimate Warrior disse uma vez “A questão é que existe uma grande diferença entre uso e abuso – e é obvio que muitos caras cruzaram essa linha”. Infelizmente para muitos lutadores citados nesse texto sobre o uso de esteroides, eles não estão por perto hoje para contar um final positivo sobre essa história.

POR QUE O USO DE ESTEROIDES COMEÇOU?

LEX LUGER

“Naquela época eles eram rápidos – não monstros de 136 quilos. Eu queria ficar bem na praia, então eu havia emagrecido cerca de 100 quilos. Agora aqui é Fevereiro, e eu precisava estar com pelo menos 115 quilos… então eu tive que ganhar peso rapidamente.”

“No esporte o ditado é que os fins justificam os meios. Somos ensinados desde pequenos para fazer o que for necessário para vencer, para ser o melhor e para estar à frente dos outros. Foi assim que esses medicamentos entraram em nossa cultura, é isso que leva os lutadores a procurarem um atalho. Eu trapaceei até ser pego, e então menti sobre isso.”

“Um cara na academia me disse ‘Amigo, essas pequenas pílulas azuis se chamam Dianabol… ’ Eu tomei quatro por dia, cinco miligramas cada pílula. Você toma esses esteroides e treina melhor, come mais, você retém o líquido deles. Então eu ganhei 7 quilos em cerca dois meses. Eu fui de cabeça nisso e funcionou. E é a mesma coisa, depois de fazer isso uma vez, você vai fazer de novo. E então eu comecei o ciclo fora de temporada, onde eu fazia um ciclo durante doze semanas. Uma amiga minha era fisiologista de exercícios, ela monitorava meu sangue. Eu nunca tomei durante a temporada, eu aproveitava o tempo fora da temporada para construir o máximo de força que eu conseguia…”.

HULK HOGAN

“Foi uma espécie de moda, de que era a coisa certa a se fazer na época. Nos anos 70 e 80, os médicos prescreviam receitas para os esteroides; todos os esportes do mundo estavam fazendo isso. A mentalidade era ‘Isso é mais seguro do que açúcar’…”.

“Eu dizia para as crianças treinarem, fazerem suas orações e tomarem suas vitaminas. Mas não eram apenas vitaminas que eu estava tomando…”.

THE ROCK

“Eu tentei, eu e meus amigos tentamos quando eu tinha 18 ou 19 anos [quando eu era o atacante defensivo da universidade de Miami]. Não sabíamos o que estávamos fazendo.”

SCOTT HALL

“Muitas pessoas não sabiam muito sobre os esteroides na época. Hoje em dia as pessoas dizem ‘Nossa, esse cara está usando esteroides…’ mas naquela época ninguém sabia. O que realmente me atraiu foi quando comecei a perceber a atenção que esses caras recebiam das mulheres… como quando andavam pelo shopping. Você estaria atrás deles, e as garotas continuariam comentando ‘Você viu aquele cara… ’ e então eu pensei ‘Uau… eu quero isto’.”

ULTIMATE WARRIOR

“Falar sobre esteroides é sempre um problema. Eles não são totalmente ruins e nem totalmente bons. Os atletas vão fazer o que for preciso para serem os melhores naquilo que fazem. Mas convenhamos, musculação e luta livre são bastante parecidas com circo, às pessoas pagam para verem as ‘aberrações’.”

“Se eu tivesse que relacionar algo com estilo de vida, seria apontar como as obrigações de ser um lutador profissional são completamente diferentes do estilo de vida de outros atletas esportivos. Não existe temporada na luta livre, você trabalha o ano inteiro. Se parte do seu personagem envolve o seu corpo, isso exige uma abordagem diferente da de um cara gordo, que pode dormir e comer pizza o dia todo sem se preocupar com exercícios ou em ter uma alimentação saudável. Mas ainda assim, uma desculpa barata é uma desculpa barata. Além disso, outro grande motivo que fazem os lutadores se atrapalharem é a solidão. Você basicamente viaja sozinho, e até chegar ao prédio, você não responde ninguém sobre o que faz.”

“Não é o estilo de vida em si, e sim a maneira de como os lutadores lidam com o estilo de vida e passam a abusar dele. Quando eu estava na WCW, os caras viajaram para as Bahamas para obter informações médicas afim de cobrir algumas brechas legais, que lhe permitiam obter GH [hormônio de crescimento]. Tudo isso com um disfarce de que era um ‘anti envelhecimento’.”

VINCE MCMAHON

“Eu nunca incentivei ninguém a usar esteroides na WWE”.

“Você tem que entender que nos anos 80, tudo era ‘negócios de luta livre’. Alguns lutadores tiveram dificuldades em lidar com o sucesso em um negócio movido pelo ego. Estávamos no ramo do entretenimento e aquela época era literalmente sexo, drogas e rock and roll. Você poderia nos comparar a uma banda de rock do inicio dos anos 80. Os artistas estavam fazendo uma quantia imensa de dinheiro. Nem todos os lutadores usavam esteroides, mas se você adicionou analgésicos prescritos nessa mistura de sexo, drogas e rock and roll, foi um coquetel mortal. Para alguns, os hábitos nunca mudaram. Eles continuaram com o mesmo estilo de vida, mas não se pode fazer isso tendo 40 anos…”.

RODDY PIPER

“Hoje é um pouco diferente para os lutadores, mas a agenda que eu tinha que manter na época, me deixava sem saber quem eu era realmente. Em 1991, fiz um show de tarde em Manchester na Inglaterra, e um show à noite no mesmo lugar. Então peguei um avião de Manchester para Heathrow e de Heathrow para Connecticut. Entrei no prédio e gravei 5 horas de dublagem para a televisão. Depois peguei outro avião para o Alasca, lutei lá, e voei de volta até Seattle, aluguei um carro e dirigi 257 quilômetros para minha casa. Isso tudo em um looping sem interrupção. É difícil fazer essa rota inteira sem uma dose de uísque.”

DYNAMITE KID

“Um dia normal de trabalho pra mim foi: acordar cedo para pegar o voo, tomar Valium [remédio para ansiedade/depressão] para conseguir dormir no avião. Percocet [remédio mais forte que morfina, usado no tratamento de dores intensas] logo depois da luta. Depois que lutávamos, bebíamos cerveja e usávamos cocaína até de madrugada, antes de tomar outro Valium para dormir a noite. Eu estava em boa companhia, porque a maioria dos lutadores tinham mais ou menos o mesmo estilo de vida que eu”.

STING 

“Muitos dos lutadores com quem já trabalhei continuaram tomando esteroides anos após anos. Esses caras estão com os joelhos e quadris substituídos. Não estou dizendo que todo mundo que substitui o joelho e quadris usavam esteroides. Eu percebia que os lutadores que fizeram isso eram muito grandes, muito volumosos, muito pesados, e o corpo simplesmente não aguentou tudo isso”.

A GRANDE MENTIRA DE HULK HOGAN SOBRE O USO DE ESTEROIDES NA WWE

Quando Hulk Hogan apareceu no programa de TV chamado “The Arsenio Hall Show”, todos, inclusive Arsenio, esperavam que Hogan confessasse o uso de esteroides na WWE. Ao invés disto, Hogan mentiu o tempo todo sobre o assunto. Independente disso, Hogan não enganava ninguém sobre o tal tema. Ele se esquivou, claramente incomodado diante das câmeras. Indo na contramão de admitir o uso da droga, o lutador se entregou com seus vícios verbais, como por exemplo, o uso constante da palavra “basicamente”.

HULK HOGAN (NO PROGRAMA “THE ARSENIO HALL SHOW”

“Treinei durante vinte anos, todo dia duas horas por dia, pode até parecer que sim, mas eu não sou viciado em esteroides, e não uso esteroides.”

COMO O USO DE ESTEROIDES MUDOU DEPOIS QUE SE TORNOU ILEGAL

ANIMAL (ROAD WARRIORS)

“Quando tomamos esteroides na parte mais jovem da nossa carreira, eles eram legais e tomávamos sob supervisão médica. Quando eles nos disseram que não aguentávamos mais, que era contra as regras, paramos de toma-los.”

STING

“Felizmente, fiquei inteligente de uma hora pra outra em 1990 e parei de tomar esteroides, parei totalmente.”

HULK HOGAN

“Quero que os jovens sejam educados. Não estou tentando me arrepender, mas estou sendo sincero sobre minhas falhas. Se eu tivesse 25 anos agora, entrando neste negócio, não sei se faria as mesmas escolhas que eu fiz naqueles vestiários.”

THE ROCK

“Temos que reconhecer que uma cultura foi criada [em todos os esportes], onde era aceitável fazer isso, e muito gerentes de equipes, proprietários e jogadores que não fizeram isso, ficaram de outro jeito.”

ULTIMATE WARRIOR

“Acho que há muitas coisas que eles não sabem sobre esse hormônio de crescimento, e como esse inferno afeta seus órgãos. Eu li um artigo sobre ciclistas de nível mundial e foi incrível para mim ver quantos desses caras morreram. A maioria deles morreram de ataque cardíaco. A única conclusão que se pode chegar é que eles estavam fazendo coisas extremas com essas drogas.”

SCOTT STEINER

“A politica de bem estar deles, é realmente uma questão politica. Muitas pessoas têm vícios. E se eles não têm força de vontade para controlá-los, isso se torna um grande problema.”

TRIPLE H – O USO DE ESTEROIDES NA LUTA LIVRE E A VANTAGEM OBTIDA COM ISSO

“Penso no Beisebol ou em qualquer outro esporte em que se possa obter uma vantagem injusta sobre alguém. Acho que eles devem ser testados. Eu acho que deveria haver punição para as pessoas que fazem isso, acho que eles deveriam ser regulamentados. Não acredito muito no governo dentro do esporte, mas acho que isso deve ser tratado dentro do próprio esporte. Em outras formas de entretenimento, não há benefício obtido pelo uso dos esteroides. Você nunca ouviu alguém dizer ‘Bem, se você tomar esteroides vai ser um ator melhor nesse filme’. É entretenimento. Você não vai ganhar a luta melhorando seu desempenho tomando esteroides.”

ANIMAL (ROAD WARRIORS) FALA SE O USO DE ESTEROIDES FOI A CAUSA DA MORTE DE SEU PARCEIRO DE DUPLA, HAWK:

“Quero deixar claro que os esteroides não foram à causa da morte de Hawk. O que matou Hawk foi ir pra a Austrália para usar livremente Xanax [remédio usado em distúrbios de ansiedade] e cocaína. Foi o que fez Curt Henning morrer, foi o que fez Rick Rude morrer e foi o que causou a morte de Davey Boy Smith. Eles usaram coisas pesadas como cocaína ou Morfina e é isso que faz seu coração explodir. Eu estava com Hawk na Austrália e seu pulso era de 190 batimentos por minuto.”

As citações utilizadas nesse artigo são originalmente compiladas por Matt Pender em um texto publicado no site Pro Wrestling Stories.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *