em , , ,

Lesões desfalcando WWE, AEW e NJPW de eventos

A bruxa está a solta essa semana no mundo da luta livre. Na mesma semana que noticiamos a grande lista de lutadores lesionados na AEW, o numero de lutadores afastados dos ringues só tem aumentado, prejudicando principalmente os futuros PPVs das principais empresas do mundo: WWE, AEW e NJPW.

Na WWE o mês começou com a chocante lesão de Cody Rhodes às vesperas do Hell in a Cell, que rompeu o musculo do peitoral mas mesmo assim continuou em ação para fazer seu ultimo combate contra Seth Rollins. O prazo de recuperação da lesão é de 9 a 12 meses mas é esperado que Cody retorne a tempo do Royal Rumble. Além dele, Randy Orton também teve que se afastar dos ringues por uma lesão ainda não explicada pela WWE. Orton seria o oponente de Roman Reigns no Summerslam, mas a lesão fez com que a WWE mudasse os planos e trouxesse de volta Brock Lesnar para o evento.

O mais recente caso envolvendo lutadores(as) da WWE é o de Rhea Ripley. Rhea seria a adversária de Bianca Belair no próximo PPV da empresa, o Money in the Bank, porém devido a uma lesão na boca que teria feito a lutadora perder um dos dentes (Quando acertou a perna em uma das cordas do ringue e isso fez com que ela fosse atingida na boca pelo proprio joelho) e uma concussão, segundo o Dave Meltzer no Wrestling Observer dessa semana, a lutadora foi substituida por Carmella no evento.

Já na AEW a situação é pior ainda quanto ao afastamento por lesões. O mês começou para a empresa tão ruim quanto a WWE: Recém empossado campeão mundial da empresa, CM Punk quebrou o pé e necessitou de uma cirurgia para reparação do osso no local, logo no primeiro dia do mês de Junho. Dois dias depois foi a vez do campeão TNT da empresa, Scorpio Sky, que relatou uma lesão no joelho e também o tirou da TV. Além deles também estão lesionados Buddy Matthews, da House of Black, que deslocou o ombro e Kyle O’Reilly e Bobby Fish, da Undisputed Elite.

Mas na AEW a lesão que mais atrapalhou os planos da empresa, junto de CM Punk, foi a de Bryan Danielson. O lutador estava cotado para fazer uma ‘luta dos sonhos’ contra Zack Sabre Jr. da NJPW no Forbidden Door do próximo domingo e participar do Blood And Guts da próxima quarta feira, porém devido a uma concussão sofrida no Double or Nothing o American Dragon deve ficar de molho por um tempo, segundo o Wrestling Observer. Vale lembrar que um dos motivos para Danielson quase ter se aposentado de forma em 2016 era o alto numero de concussões sofridos na carreira, que poderia colocar o futuro de Bryan em risco. Na ultima edição do Dynamite no entanto Bryan Danielson anunciou que será substituído por um membro surpresa que se tornará o novo integrante da Blackpool Combat Club, especulações na internet apontam para a possibilidade do novo integrante ser Cesaro ou Johnny Gargano, mas não há nada confirmado.

Além do desfalque de Bryan Danielson no Forbidden Door, outro lutador que teve de ser retirado do card, nessa quarta feira foi Tomohiro Ishii, da NJPW. Ele iria participar da Fatal-4-Way pelo AEW All-Atlantic Championship mas devido a uma lesão no joelho esquerdo teve de ser substituído por Clark Connors no evento.

Siga acompanhando o Wrestlemaníacos aqui no site e em nossas redes sociais para mais atualizações sobre o retorno dos lutadores afastados por lesão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…