em ,

Mercedes Martinez revela o motivo de ter deixado a Retribution

A facção Retribution debutou em meados do ano passado com cinco membros. Todos eles eram, até esse momento, parte do elenco do NXT. Eles eram T-Bar (Dominik Dijakovic), Slapjack (Shane Thorne), Mace (Dio Maddin), Reckoning (Mia Yim) e Retaliation (Mercedes Martinez).

Mas pouco depois da revelação do Ali como chefe do grupo, Martinez deixou a equipe silenciosamente. Em nosso site, reportamos sobre as dúvidas sobre sua desaparição. Embora não reportamos sua saída oficial nesse momento, pois a WWE ainda utilizava sua imagem no material gráfico de Retribution.

Porém, no NXT do dia 23 de dezembro, Mercedes Martinez finalmente retornou à terceira marca da WWE para brigar contra a NXT Women’s Champion, Io Shirai. O campeonato da Shirai é a maior preocupação dela desde então.

Segundo os rumores, Martinez simplesmente deixou Retribution porque não gostava do rumo que a facção tomou. E que ele prefería voltar ao NXT. Mesmo se em sua última aparição nesse show, ela perdeu uma Steel Cage Match contra Rhea Ripley, e foi demitida da Robert Stone Brand.

Martinez não gostou da idea

Pois é assim. Em uma entrevista com Mike Johnson do site PWInsider, Martinez confirmou que foi ela quem pediu sua saída de Retribution:

“Eu tive uma oportunidade, e a tomei sem saber qual seria o resultado. Tem que tirar a melhor de tudo o que puder. Mas eu acho que quando essa oportunidade chegou, simplesmente não era para mim. Quando alguém chega ao auge da sua carreira, como minha fez quando chegou aos 20 anos, vai querer aproveitar-a ao máximo. Fazer dela parte de um legado.

Só penso que ser parte desse grupo… Porque não é um segredo que era eu. Não escondo esse fato, mas tampouco o menciono porque é uma parte nanica da minha carreira. Ser parte desse grupo foi uma dessas coisas onde você diz: “Mercedes está aquí, mas isso não vai com sua carreira, sua trajetória, seu legado.” Sem ressentimentos, é apenas que ambos tínhamos dois planos diferentes. Eu queria tomar um rumo, e eles tinham uma visão diferente. Eu simplesmente respondi: “Eu sei a onde eu quero levar minha carreira, e provavelmente não é aqui.”

Não guardo nenhum rancor e desejo sucesso para todos os membros desse grupo e lhes desejo tudo de bom. Realmente eu desejo isso para eles, mas não acho que era para mim. Provavelmente foi pensado para alguém mais. E eu quero fazer meu legado um pouco diferente. Por isso voltei ao NXT e vou fazer a minha marca na sua divisão femenina.

Muitos fãs e críticos consideram Retribution uma das piores ideias da WWE nos últimos anos. Por isso, tem gente que acha que Martinez tomou a decisão correta quando voltou ao NXT. Afinal, a divisão femenina do NXT é uma das mais fortes do mundo neste momento. Com pessoas como Io Shirai, Raquel Gonzales, Toni Storm e outras, Mercedes vai ter rivais dignas.

Por Bombástico Mendoza

Un peruano con suerte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…