em , , , , ,

“O Que Está Acontecendo?”: Roman Reigns vs. Brock Lesnar

A maior luta do evento

Olá a todos. Finalmente chegou. É o último episódio de “O Que Está Acontecendo?”, um seriado de quadrinho feito com a intenção de explicar para você quais são as lutas principais da WrestleMania 38. Explicamos luta após luta, rivalidade após rivalidade. Mas chegou o fim, a luta principal da noite. Pela primeira vez na história deste show, dois títulos mundiais vão ser unificados. Talvez a Maior luta da história de WrestleMania (pelo menos segundo o marketing do evento). É hora de Brock Lesnar vs. Roman Reigns.

Roman Reigns vira o chefe

Brock Lesnar vs. Drew McIntyre

A rivalidade entre esses dois titãs leva já muito tempo. Durou vários anos. Mas a parte importante para este combate começou no 2020. Brock Lesnar, como era usual, estava na cima do mundo. Era o Campeão Mundial da WWE, com Paul Heyman como seu ajudante. Mas na WrestleMania 36, seu reinado terminou. Drew McIntyre o derrotou, em um combate sem torcida pela culpa da pandemia.

Logo dessa derrota, Brock notou que os fãs não voltariam por muito tempo. Sem eles, realmente não valia a pena continuar na WWE, já que suas lutas não teriam valor. Foi assim que decidiu se afastar até que a torcida voltara às arenas regularmente.

Paul Heyman, não obstante, precisava de se manter na cima. De ser ainda o manager dos campeões. Sem Brock, ele não tinha ninguém. Mas chegou uma ligação importante. Um homem que por vários anos, foi o seu inimigo: Roman Reigns.

Roman Reigns vs. Paul Heyman

Roman tentou ser por muito tempo o super-herói da WWE, mas nunca conseguiu. Quando chegou a pandemia, finalmente decidiu que faria as coisas pensando apenas nele mesmo. Já que, na realidade, a WWE dependia dele. E se os fãs da empresa não reconheceriam seu trabalho, ele os obrigaria a reconhece-lo como o “cabeça da mesa”.

Mas Reigns precisava de alguém que o ajudara legalmente, que utilizara seus contatos na gerência para conseguir benefícios exclusivos para ele. Esse seria Heyman. Obviamente Paul tinha dúvidas, já que isso implicaria deixar Brock, seu cliente favorito por vários anos. Mas Roman não lhe pediu ser seu conselheiro; ele lhe exigiu. Foi assim que começou essa parceria entre eles.

A volta do Brock Lesnar

Brock Lesnar Roman Reigns Summerslam

Passou um ano, e tudo ia bem para Paul e Roman, que já tinha mais de um ano como Campeão Universal. Junto com os Uso, eles formaram o Bloodline. Com Reigns como o “Chefe da tribo”, dominaram completamente SmackDown. A vida era simplesmente perfeita. Mas no finalzinho do SummerSlam 2021, finalmente chegou. Brock Lesnar estava de volta.

O holofote ficou com Heyman. Todos queriam saber para quem trabalhaba realmente. Se era realmente fiel a Roman, ou se ainda ajudava o Brock. Quer dizer, é sabido por todos, desde seu tempo como dono da ECW, que ele não é uma pessoa confiável. É um grande mentiroso, que pensa apenas em ele mesmo

As dúvidas aumentaram por duas coisas. Primeiro, foi anunciado que no evento Crown Jewel, na Arábia Saudita, Reigns tinha que defender seu Campeonato Universal contra a “Besta”. Muitos acham que Heyman conseguiu a luta para Brock via escritório.

Segundo, quando chegou o Draft, todos os lutadores do elenco da WWE ficaram em exclusividade com apenas uma marca: Raw ou SmackDown. Mas o caso do Brock foi especial; ele seria um agente livre. E podia comparecer no show que quiser, quando quiser. De novo, parece que foi Paul quem negociou isso.

Roman Reigns Brock Lesnar Crown Jewel

De qualquer jeito, Crown Jewel chegou, e os dois concorrentes estavam na lona, o juiz também. Então, Heyman jogou o cinturão para o ringue. Parecia que tentou entregar a arma para Brock, mas não chegou a suas mãos. Roman pegou a faixa, bateu Lesnar com ela, e reteve. Heyman foi para o vestiário com ele.

A revanche frustrada

No SmackDown seguinte ao show árabe, Lesnar bateu todos: Roman, os Usos, e também o gerente da WWE, Adam Pierce. Portanto, como castigo, ele ficou suspenso indefinidamente, com uma multa de 1 milhão de dólares. O campeão ficou contente com essa decisão.

Porém, logo de um mês, foi anunciado o retorno de Lesnar. Aliás, ele receberia uma luta pelo Campeonato Universal no primeiro evento da WWE do 2022: Day 1. Roman, mais uma vez, culpou Heyman de continuar trabalhando com Brock em segredo. E umas semanas antes do PPV, demitiu seu conselheiro. Todo o Bloodline o bateu no ringue, Paul ficou completamente humilhado.

Mas essa revanche entre Lesnar e Reigns nunca aconteceu. No mesmo dia do evento, WWE anunciou que Roman Reigns testou positivo para COVID-19. Portanto, o ‘chefe da tribo’ não concorreria. Mesmo assim, Lesnar ainda merecia uma luta por um campeonato mundial. E como era um agente livre, graças ao Draft, ele decidiu utilizar sua oportunidade para o maior título de SmackDown, no Raw.

Brock Lesnar Day 1

Essa noite, ele foi adicionado à luta pelo Campeonato Mundial da WWE. Foi assim como derrotou Big E, Seth Rollins, Kevin Owens e Bobby Lashley para virar campeão mais uma vez. Aliás, no dia seguinte, Brock revelou que sim, Heyman trabalhava para ele ainda. Foi assim que recebeu uma vaga pelo outro campeonato no mesmo dia. Lesnar e Heyman, a dupla que sempre deu certo, estavam de volta.

A segunda traição

Parecia que todo ia bem, Brock ficaria com Heyman no Raw, e Roman ficaria no SmackDown. Mas o “chefe de tribo” que realmente precisava da vantagem legal oferecida pelo seu conselheiro. Portanto, no Royal Rumble, durante o combate pelo Campeonato da WWE entre Lesnar e Bobby Lashley, Reigns fez uma intervenção para bater seu eterno rival.

Roman Reigns Royal Rumble

Para dar o golpe de misericórdia, lhe exigiu o cinturão da WWE a Paul, e o manager obedeceu. Lensar perdeu seu campeonato, e Roman foi para o vestiário com seu conselheiro, quem acabava de confirmar sua volta ao Bloodline. Contudo, Lesnar tinha um plano B.

Logo de uma hora, durante o Royal Rumble, Lesnar fez sua entrada surpresa à Batalha Campal. E resultou vencedor; seu segundo Rumble ganhado. Parecia óbvio que sua escolha para WrestleMania seria Roman. Porém, ele tinha ambições maiores.

Desde sua volta no verão, Brock já mostrava indícios que não precisava realmente de um manager para ficar na cima. Agora ele era um caubói, e fazia tudo sob suas próprias regras. Com um sorriso no seu rosto, ele ia ficar no topo do mundo.

Brock Lesnar Royal Rumble

Só pode ter um

No Raw seguinte, a “caubói” anunciou seu baita plano. Obter uma revanche contra Lashley pelo Campeonato da WWE, e utilizar sua vitória no Royal Rumble para receber uma luta contra Roman Reigns pelo Campeonato Universal. Se todo ia bem, fecharia o evento como o único campeão da empresa.

Tudo foi perfeito. Na Elimination Chamber, Lesnar humilhou os outros concorrentes. Lashley não lutou por lesão. AJ Styles, Seth Rollins, Riddle; nenhuns deles foram rivais para a ‘Besta”. E Austin Theory, ele morreu logo de uma Super F5 desde o topo de uma das cabines da Chamber. Mais uma vez, Brock virou campeão.

Agora que tínhamos a luta para WrestleMania, a gerência da WWE anunciou que essa luta não seria para definir um duplo campeão; seria uma luta de unificação. Logo da WrestleMania, a empresa ficaria com só um Campeonato Mundial. O quem será o maior campeão da empresa?


O histórico dos concorrentes

Brock Lesnar concorreu em 10 WrestleManias no passado: com 5 vitórias e 5 derrotas.
Roman Reigns participou em 8 WrestleManias até agora: com 6 vitórias e 2 derrotas.
Ambos têm momentos muito importantes no maior evento da WWE. Mas apenas duas lutas do seu histórico têm importância agora. Não é a primeira vez que os dois brigam na “Vitrine dos Imortais”. Este é o fim de uma trilogia.

Seu primeiro encontro foi no 2015. WrestleMania 31. Roman ganhou o Royal Rumble desse ano, e parecia que conseguiria virar o rosto da empresa derrotando o Brock, então Campeão da WWE. Os dois tiveram uma guerra, a qual ficou inconclusa; já que Seth Rollins chegou com a maleta do Money In the Bank para virar essa uma luta uma triple ameaça, e ficar com o Campeonato. Foi o roubo do século.

Seu segundo combate (2018, WrestleMania 34) foi uma revolta. A torcida não aceitou Roman como o “herói” da empresa, então, estragou a luta principal desse ano. O resultado foi um pouco surpressivo, já que a história estava construída para uma vitória do Reigns. Mas Lesnar venceu limpamente.

Quem ficará como o Campeão Supremo no seu terceiro encontro na WrestleMania? Isso será resolvido na luta principal do show

E lembre-se, essa luta está marcada para a noite 2. (Domingo, 3 de abril)


Tomara que este artigo lhe ajudara a compreender O Que Está Acontecendo. Se você leu todos os episódios, muito obrigado! Tomara que essa WrestleMania seja boa, se Deus quiser.

Siga a nossa página de Twitter para uma cobertura especial, minuto a minuto, do evento. Tchau, fãs da luta livre!

E não esqueça, você pode conferir o card completo da WrestleMania 38 no nosso portal!


As outras lutas da WrestleMania 38:

Por César Mendoza

Un peruano con suerte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…