em ,

Resultados: RAW – 06/01/2020

Durante o evento, tivemos um retorno para o main event.

– Brock Lesnar e Paul Heyman abriram o show. Heyman anunciou que Lesnar estará no Royal Rumble Match e será o número 01 a entrar.

– Andrade “Cién” Almas (c/ Zelina Vega) vence Rey Mysterio por pinfall para reter o WWE United States Championship após aplicar um “La Sombra”. Ao meio do combate, quando Rey fez um pin em Andrade, Zelina pôs o pé de seu associado nas cordas assim que o árbitro contou três, fazendo com que a vitória de Mysterio fosse anulada e o combate reiniciado. Já no final da luta, ela acabou sendo acertada por um “Senton” de Rey, que havia sido jogado para trás por Almas, o que desestabilizou o mascarado e permitiu a vitória do campeão.

Após o combate, Andrade saiu do ringue para ver Zelina, mas imediatamente voltou e roubou a máscara de Mysterio, entregando-a para a manager e indo embora com ela.

– The Viking Raiders (Erik & Ivar) vencem Street Profits (Angelo Dawkins & Montez Ford) e The Original Club (Luke Gallows & Karl Anderson) em um Triple Threat Tag Team Match por pinfall para reterem os Raw Tag Team Championships após aplicarem um “Viking Experience” em Anderson.

– Erick Rowan vence KJ Orso por pinfall após aplicar um “Iron Claw”.

Após o combate, Rowan levou Orso para olhar o conteúdo de sua jaula, encostando o rosto do rapaz no objeto, que fugiu aterrorizado e com o rosto coberto de sangue logo em seguida.

– “The Phenomenal” AJ Styles vence Akira Tozawa por pinfall após aplicar um “RKO”.

Após o combate, AJ imitou a tradicional pose de vitória de Randy Orton, para provocar o “Viper”.

– Drew McIntyre vence No Way José por pinfall após aplicar um “Claymore”.

Após o combate, Drew perguntou ao público se eles duvidavam que ele aplicaria outro “Claymore” em José, e diante da resposta positiva destes, ele golpeou novamente o dominicano com seu finisher. Em seguida, ele cita que nunca teve um combate por título mundial na WWE, algo que ele considera quase um crime, e já que ninguém tinha coragem de enfrentá-lo ele iria entrar na Royal Rumble Match. McIntyre fala que não liga para quem estará na luta, ou de qual brand for, no final restará apenas um: ele mesmo.

– Aleister Black vence Shelton Benjamin por pinfall após aplicar um “Black Mass”.

Após o combate, Buddy Murphy apareceu e atacou Aleister, jogando-o para fora do ringue e depois lançando-o contra a barreira de proteção. Em seguida, ele jogou Black na área do timekeeper, lhe acertando com um “V-Trigger”, e depois pegando uma cadeira e posicionando no pescoço do holandês para aplicar um segundo “V-Trigger”. Por fim, ele sentou na barreira de proteção da mesma forma que Black usualmente faz.

– Kevin Owens, Samoa Joe & The Big Show vencem Seth Rollins & Authors of Pain (Akam & Rezar) por desqualificação após Rollins acertar Show com uma cadeira.

Após o combate, Owens, Joe e os AoP entraram em briga, enquanto Rollins tentava aplicar um “Blackout” em Show. Kevin conseguiu segurar o pé de Seth, enquanto Joe lidava com Akam e Rezar, e Big Show aproveitou para finalizá-lo com um “WMD”. Os Authors arrastaram o corpo desmaiado de Rollins de volta para o palco enquanto os faces comemoravam no ringue, sendo assim encerrado o programa.

Fonte: Wrestling Noticias

Por Johnny Marques

Fundador do Wrestlemaníacos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *