em ,

Rhea Ripley perdeu sua confiança após combate na WrestleMania 36

No final de 2019, Rhea Ripley recebeu o maior destaque da sua carreira ao vencer Shayna Baszler em dezembro para conquistar o NXT Women’s Title. Pouco meses depois, ela participou da WrestleMania 36, porém foi derrotada por Charlotte Flair e perdeu seu título.

Em entrevista à Lilian Garcia no podcast Chasing Glory, a ex-campeã do NXT detalhou como ela perdeu sua confiança após o combate contra Charlotte Flair na WrestleMania 36. Confira abaixo:

“Senti como se o vento tivesse ido embora. Eu senti que passei por uma fase onde perdi a confiança em mim mesma porque eu não estava sendo representada da mesma maneira. Até mesmo agora, ainda sinto que estou me levantando aos poucos. Minha confiança ficou um pouco abalada, o que é uma droga porque eu tento fazer o meu melhor o tempo todo. Eu não sei se isso foi algo da minha cabeça, mas me senti um pouco perdida após o combate. Agora sinto que estou voltando ao normal. Estou me reerguendo, tem sido difícil, mas encontrei meu caminho novamente.”

NXT Women’s Championship Match: Rhea Ripley (c) vs. Charlotte Flair – WWE WrestleMania 36: Noite 02, dia 05 de abril de 2020

Sobre enfrentar Charlotte Flair na WrestleMania 36, Rhea Ripley comentou o seguinte:

“Foi interessante. Eu achei que isso aconteceria. Eu estava no WWE Watch Along assistindo ao Royal Rumble e vi Charlotte vencer. Os produtores me perguntaram o que achei daqui e eu disse que gostaria de ver se ela teria coragem de me desafiar pelo meu título. Eu não sabia que de nada que iria acontecer. Eu falei isso e depois esqueci totalmente. Depois que tudo aconteceu eu fiquei na dúvida sobre se o combate havia sido criado porque eu lancei o desafio ou se eles já haviam planejado antes. Eu realmente não sei. Foi animador. Eu consegui meu ingresso de ouro para a WrestleMania graças a esse combate. Mesmo com a WrestleMania não tendo sido como esperei, ainda foi a WrestleMania e ainda foi algo gigante.”

Ao ser perguntada sobre o que ela fez para recuperar sua confiança, Rhea Ripley respondeu o seguinte:

“Eu assisti combates do NXT UK, a rivalidade contra a Shayna e lembrei quem eu era, pois eu havia esquecido quem eu era por um momento e eu odeio esquecer quem sou porque isso me faz sentir como se fosse o primeiro Mae Young Classic, onde eu estava totalmente perdida. Gosto de ser eu mesma e me apresentar da minha maneira. Então eu assisti coisas velhas e vi como eu costumava atuar e que era isso que eu precisava agora. Isso me ajudou muito.”

Em outro momento da entrevista, Rhea Ripley foi perguntada sobre a possibilidade de ser transferida para o RAW ou SmackDown. Ela respondeu o seguinte:

“Eu esperei por isso e não aconteceu. Eu gostaria de ir para o RAW ou SmackDown, mas ao mesmo tempo, há tantas pessoas no NXT que ainda não enfrentei e sinto que ainda há tanto a fazer lá. Gostaria de enfrentar Candice LeRae, especialmente agora com sua nova personagem. Gostaria de enfrentar Indi Hartwell, Shotzi Blackheart, quero enfrentar Raquel Gonzalez novamente e gostaria muito que o combate tivesse uma estipulação diferente.”

NXT Women’s Championship Match: Rhea Ripley vs. Shayna Baszler (c) – WWE NXT, dia 18 de dezembro de 2019

Rhea Ripley também comentou sobre o que sentiu ao conquistar o NXT Women’s Title dizendo o seguinte:

“Foi incrível. Foi algo que eu não achei que aconteceria tão cedo porque eu havia acabado de chegar do Reino Unido e então já fui direto combater pelo cinturão. Eu tive dúvida se sabia o que estava fazendo. Ao mesmo, minha carreira estava obtendo cada vez mais destaque, pois eu estava lutando constantemente. Fiquei mais confiante quando percebi que sabia o que estava fazendo e senti que era o momento perfeito para mim. Foi realmente incrível.”

Rhea Ripley participará do Team Shotzi Blackheart no WWE NXT TakeOver: War Games 2020 que acontecerá neste domingo, dia 6 de dezembro.

Assista ao WWE NXT TakeOver: War Games 2020 ao vivo no WWE Network a partir das 20h e acompanhe nossas coberturas ao vivo aqui no site e no Twitter.

Por Vinícius

Seeking Higher Things.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *